sexta-feira, 22 de fevereiro de 2019

Policiais do 24° BPM prendem elementos que praticaram arrastão em Santa Cruz do Capibaribe

Alisson - Mateusinho - Anderson 
No início da tarde desta sexta-feira (22), policias do 24° BPM (Batalhão de Polícia Militar) prenderam três elementos na Vila de Poço Fundo, na zona rural de Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste do estado de Pernambuco. Entre os detidos a polícia identificou os dois assaltantes que praticaram um arrastão em frente a um fabrico de confecções na Rua Maria Lira de Moraes, no Bairro Nova Santa Cruz.

Os elementos detidos foram identificados como Mateus Barbosa da Costa, vulgo “Mateusinho”, de 18 anos, Alisson Nascimento da Silva, de 19 anos e Anderson José da Silva, vulgo “Nike do Santa Tereza”. 

O ARRASTÃO:

Na manhã desta sexta-feira (22), a câmera de monitoramento de uma residência registrou um arrastão praticado por dois assaltantes em frente a um fabrico de confecções na Rua Maria Lira de Moraes, no Bairro Nova Santa Cruz. 

Em duas motos Biz de cor vermelha e armados com armas de fogo, os criminosos pararam na referida rua, renderam um grupo de pessoas, sendo que um deles ficou dando cobertura na moto apontando a arma para as vítimas; enquanto outro desceu da moto e subtraiu vários objetos das pessoas. Em seguida fugiram tomando destino ignorado. 

Nas imagens do arrastão só aparecem “Alisson” e “Mateusinho”. 

PRISÃO:

A Polícia Militar teve conhecimento do fato e seguiu no encalço dos meliantes que foram detidos com, uma moto Biz de cor vermelha, seis celulares, cinco relógios e um revólver calibre 32 com cinco munições, na Vila de Poço Fundo. 

Quando questionados sobre o arrastão e demais assaltos, os elementos confessaram a pratica dos crimes e indicaram um matagal aonde estavam uma motocicleta XRE-300 e outra moto Biz de cor vermelha que foram roubada para serem usadas nos assaltos. “Anderson” confessou que a moto XRE foi tomada em assalto há aproximadamente 20 dias na cidade de Toritama.
Os envolvidos foram conduzidos para a delegacia de Polícia Civil, onde foram reconhecidos pelas vítimas e autuados em flagrante. Todo material encontrado com eles, foi apreendido para ser feita a restituição aos seus verdadeiros donos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário