sexta-feira, 26 de janeiro de 2018

10° HOMICÍDIO » Vítima de homicídio em Santa Cruz possivelmente foi assassinada por engano

Na noite da quinta-feira (25), policiais do 24° BPM (Batalhão de Polícia Militar) registraram um crime de morte na Rua Belarmino Pereira, no Bairro Cruz Alta, em Santa Cruz do Capibaribe, Agreste do estado de Pernambuco.

Segundo informações da polícia, Luciano Régis Xavier de Melo, de 27 anos de idade, estava passeando com um cachorro quando foi surpreendido por dois elementos que, já se aproximaram atirando. Ainda de acordo com a polícia, os assassinos estavam em um carro.

Luciano Régis” não tinha envolvimento com o mundo do crime, não tinha passagem pela polícia, era um jovem bem relacionado com a sociedade de Santa Cruz e trabalhava em uma empresa de informática.


Duas linhas de investigação para o crime:

Uma é de que a vítima foi assassinada após reagir um assalto, mas durante o levantamento cadavérico foi constatado que, a carteira da vítima não foi levada pelos os supostos assaltantes.

A segunda linha de investigação é que, os assassinos teriam matado “Luciano” por engano, já que ele se parecia com uma pessoa envolvida com alguns atos ilícitos na cidade.
Essas duas hipóteses estão como linha de investigação para a Polícia Civil de Santa Cruz do Capibaribe, que acumula os registros dez crimes de morte na cidade.

Após o levantamento cadavérico o corpo foi encaminhado ao IML (Instituto de Medicina Legal) da cidade de caruaru.

Este foi o 10° homicídio registrado em Santa Cruz do Capibaribe neste ano de 2018. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário